ARTES/HISTÓRIA/MÚSICA

Todas as Notas: A História por trás dos Clássicos

todas as notas1

Essa série contemporânea explora as histórias por trás das obras e compositores clássicos mais famosos. O renomado pianista canadense Jon Kimura Parker apresenta os programas ao lado de músicos expressivos. Uma série que conquistará novatos e aficcionados pela música clássica.

Ludwing Van Beethoven – Triunfo sobre Adversidade: De que modo Beethoven, mesmo após perder a audição, conseguiu superar as dificuldades e compor peças como a Sinfonia nº 5. Músicos analisam a obra e o temperamento explosivo do compositor alemão.

Tchaikovsky – Romântico sem Solução: O romantismo do compositor russo Tchaikovsky, discriminado por muitos críticos, que associavam sua obra apenas ao balé. Músicos comentam o caráter emocional de suas peças, como as Sinfonias nº 4, nº 5 e nº 6.

Maurice Ravel – A Cor da Música: O francês Maurice Ravel herdou da mãe o gosto pela música espanhola, que o influenciou na criação de obras como Bolero. Músicos entrevistados contam como Ravel conseguiu dar popularidade à música erudita.

Wolfang Amadeus Mozart – Dando Nome à Perfeição : Criança prodígio, o compositor austríaco Mozart, autor de obras-primas como o Concerto nº 21 para piano, sintetiza influências e supera os esquemas musicais utilizados por seus antecessores e contemporâneos.

Johan Sebastian Bach – Servindo Deus Através da Música: Análise da religiosidade presente na música de Bach, com depoimentos de maestros e pianistas e apresentação de algumas de suas obras mais importantes, como o Concerto nº 5 e a Missa em si menor. Último compositor barroco da Alemanha, sua arte ficou esquecida durante muito tempo, até ser redescoberta por Mendelssohn.

Antônio Vivalde – Um homem para todas as estações: Antônio Vivaldi foi o maior compositor de concertos italiano, tendo escrito mais de 500 ao longo da vida. Mas porque o famoso compositor do século 20 Igor Stravinsky alegou, 200 anos depois da morte de Vivaldi, que ele não escreveu 500 concertos mas um, 500 vezes ?

Frederic Chopin: Será que Frederic Chopin, que nunca escreveu sinfonias, óperas ou quartetos para cordas, que escreveu só para piano, pode ser considerado um dos maiores compositores clássicos de todos os tempos ?

Sergei Rachmaninoff – Sob a Influência : A trajetória do compositor russo Sergei Rachmaninoff, que, depois de criar sua primeira sinfonia, mal recebida pela crítica, entrou em depressão por três anos. Mas recuperou-se e compôs obras importantes, como o Concerto para piano nº 2 em dó menor.

Franz Schubert: Como pode, Franz Schubert, o compositor do clássico “Ave Maria”, que não era um músico virtuoso e nem nunca teve um piano, ser considerado o maior compositor de “melodias clássicas” ?

Johannes Brahms

Joseph Papa

George Friederic Handel

 

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s